quarta-feira, dezembro 10, 2008

Ciclo

Quem diria
que um dia
um surto da minha tia
poria o mundo em risco?

Tu não? Nem eu!
Porém, como pregava
o velho e bom judeu:
"quem sabe, sabe;
quem não sabe, já morreu".
Entendeu?

Nevermind.
Ces´t la vie!
É assim que nóis véve,
assim nóis sempre viveu.

Morreu pregado
quem mui pregava.
Morreu pelado
quem mui amava.
Pelado foi-se, conforme veio.
Conforme veio,
outro dia volta.

E o surto da minha tia
foi gritar na padaria
que Jesus nasceu
em 30 de fevereiro!

quarta-feira, novembro 26, 2008

Grand Finale

Quando a Morte sorriu
para Tessalônico da Silva,
ele sorriu de volta e disse:
- Que o diabo te carregue!

Assim,
a Morte enfiou o braço
dentro da terra
e puxou pela rabeta
um capeta surpreendido.

- Carrego eu o demônio comigo,
respondeu ela satisfeita,
agora é hora
de vir você também.

Venta

A senhora
foi embora
na garupa
da motoca.

Vá com Deus,
minha senhora!
Cuidado o vento!
Abaixa a saia!

Senão é coxa
é anca, é bunda
de graça
pra molecada.

Tragédia

Solitário,
com seus dois reais e dez na mão,
o jovem jornalista espera
a passagem do busão.

Meia hora
e o busão demora.
Passam carros, kombi e caminhão...
Bem faria
o jovem jornalista
pedir a Deus
um avião.

Assim,
sumiria pelo mundo
retalhando o azul profundo
do céu, do ar, do mar...
TCHIBUM!

terça-feira, setembro 02, 2008

Ordem

I

Meu caro,
eu digo,
o mundo
não gira
em torno
do teu
umbigo.

Não parece,
eu sei,
mas,
no fundo
do poço
ainda
há lei.

II

No tempo
ameno
voa
em círculo
o urubu
sereno

Expiando
os vivos,
desejando-os
mortos
para dividir
a carne
podre
com os mosquitos.

sexta-feira, agosto 22, 2008

Enterra

Seres montados
maquiados
expressões perfeitas,

os banguelas
de ramelas
chutam suas tetas!

O dinheiro
passageiro
nos autorizou

a comprar
e rasgar
o que Deus mandou.

sábado, julho 12, 2008

Rango

Nas fornalhas do inferno
o capeta chef d'cuisine
assou teu coração.

- As batatas estão boas,
disse Mefistófeles,
mas esta carne é muito ruim!

terça-feira, julho 01, 2008

Lixo espacial

Cansado de gente metida a besta, fez as malas e foi pro espaço. Por 34 anos, flutuou sossegado. No último suspiro, tirou o capacete pra ver melhor o espetáculo. Seu rosto explodiu e o resto do corpo vagou esquecido na imensidão, feito bexiga solta em festa de aniversário.

quinta-feira, junho 05, 2008

Chuva x 2

Chove e a cabeça se inspira! Lá vão dois. Este...

Ronco

Chuva fina
alegria
da minha noite
bem dormida.

... e este.

Meteorologia

Chuva é xixi de anjo.
Quando é muita, é tempestade.

Logo,
temporais acontecem
quando todos os anjos
estão apertados.

domingo, junho 01, 2008

Perecer

O fosco, o tosco, o grito, o frito,
o abecê - vai se foder! - morrer é tão bonito!

O dente, o crente, o disco voador,
o seu José - que Zé Mané! - caiu do elevador!

A lua furada, a chuva molhada,
a mobilete - oitenta e sete! - não presta mais pra nada!

A bela e branca borboleta,
aliteração - que amolação! - o fim vem de muleta!

terça-feira, maio 27, 2008

Peixaria

- Olá, freguês! Me leva
embora de uma vez...
- Não, seu peixe! Teu olho é fundo,
teu cheiro é triste.
- Mas qual! Minha pança congelou!
Não agüento mais este freezer!
- Sê paciente. Em breve te apanhas
uma senhora míope.
- Ai, não! Não quero! Maldito
aquele que me tirou o conforto!
- Conforto, onde tinhas?
No fundo do mar?
- Não, jumento! Sou peixe
de rio, não vês?
- Será verdade?
- Não entendes nada!
- És respondão!
- E tu, teimoso!
- Ah, o que faço aqui...
Tu estás morto!
- E tu, louco!
- Martírio, tens razão!
Esqueci-me do medicamento!
- Fiz tu se lembrar.
Mereço recompensa.
Me enfia na sacola e
tchau e bença.
- Ah, infeliz!
Venha cá de uma vez!
E aviso já: faça silêncio!
- Silêncio é o que queres?
Pois, respire fundo e
conte até três.
- É um...
- É um.
- É dois...
- É dois.
- É três!

- Cada um que me aparece!,
resmungou o peixeiro.

sexta-feira, maio 16, 2008

Bentinho

http://g1.globo.com/Noticias/Mundo/0,,MUL471854-5602,00-BENTO+XVI+ACUSA+MIDIA+DE+INCENTIVAR+PROSTITUICAO+E+PEDOFILIA.html

Depois dessa, eu só posso dizer que tem muito padre assistindo muita TV também.

Camaleão

Se eu tivesse uma bomba e o sangue frio de um terrorista, certamente mandaria aos ares todas as pessoas sem opinião. Não que eu queira gente dando peteleco em tudo, mas, o mínimo posicionamento sempre é bom à sanidade alheia.
Metamorfose ambulante só fica bonito na música.

segunda-feira, maio 12, 2008

Alien

Elevaca?
Vacafante?

Não importa:
só sei que o bicho é grande!


------------
tirado daqui:
http://oglobo.globo.com/blogs/moreira/post.asp?cod_Post=102054&a=88

terça-feira, abril 22, 2008

Erramos

Pessoal,
No post "Santa heresia", num dos últimos versos, escrevi "proteJei"!
Por dica de um leitor anônimo, corrigi a burrice.
Desculpa e obrigado!

segunda-feira, abril 21, 2008

Filme

Perto demais,
abre a boca o absurdo.

quinta-feira, março 06, 2008

Fio

A faca afiada cortou meu dedo.
Vazou sangue, até demais:
minhas tripas encolheram.

sexta-feira, fevereiro 22, 2008

Guerra

Meu pé tem chulé
- mas, só o esquerdo.
O direito, perdi
chutando uma granada...
BUM!!!

e minha sorte foi pro espaço!

sábado, fevereiro 02, 2008

Fatores

Gestos de amor
são esquisitos.
É tão bonito
o amor dos gestos.

sábado, janeiro 26, 2008

Santa heresia

I

Deus está comigo,
Deus está contigo.
Deus na verdade está
em todos os umbigos.

II

Deus é pai, Deus é filho.
Mas, o Espírito Santo
é só um passarinho.

III

Deus é dez,
Jesus é cinco.
O homem é zero
e o diabo, número primo.

IV

Oh, meu Deus, protegei:
meu pai
minha mãe
meus parentes
meus amigos
- amém!

sexta-feira, janeiro 04, 2008

quarta-feira, janeiro 02, 2008

2008

Primeiro de janeiro...
Que chova o ano inteiro!